+ infoAcontecer
Fátima
Centenário das Aparições
Bombeiro, médico e automobilista pedalam do Vaticano a Fátima
Texto J.B. | Foto FP | 05/04/2017 | 15:12
Um ortopedista, um antigo automobilista e um ciclista, todos portugueses e com mais de 50 anos de idade, vão ligar o Vaticano a Fátima em bicicleta, e deverão ser recebidos pelo Papa Francisco
imagem

Carlos Vieira, bombeiro-ciclista de Leiria, vai voltar a pedalar do Vaticano a Fátima, e desta vez levará companhia – um médico de Coimbra e um antigo automobilista. A partida deverá acontecer a 21 de abril e a chegada a 11 de maio. O trajeto tem cerca de 3.000 quilómetros.

Por dia, os homens vão pedalar entre 100 e quase 200 quilómetros, conforme indicou Carlos Vieira, de 65 anos, que já foi recebido pelo Papa Francisco, em 2014, já recebeu a confirmação de que vai encontrar-se novamente com o Pontífice, no dia 26, no Vaticano. «Ainda não sei o que vou dizer ao Papa», mas talvez pedir «para que reze pela paz e pelos que sofrem de doenças e da guerra», disse, citado pela agência Lusa.

De acordo com o bombeiro-ciclista, «já estava destinado» fazer esta viagem no ano do centenário, e uma seguradora decidiu apoiar esse projeto, com a condição de que Miguel Vilar, antigo automobilista de 60 anos, que já pedalou de Lisboa à Lapónia, integrasse a iniciativa.

Aos dois, juntou-se ainda António Figueiredo, ortopedista de Coimbra, de 56 anos. «Não vai ser fácil», referiu o médico, adiantando que está ainda prevista a paragem no Santuário de Lourdes, em França, e no Santuário da Nossa Senhora do Pilar, em Espanha.

Além disso, estão ainda programados encontros com duas comunidades de emigrantes portugueses. As camisolas que os três ciclistas vão usar na viagem terão o lema da visita do Papa a Fátima – «Com Maria, peregrino na esperança e na paz» – gravado em português, italiano, espanhol e francês.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.