+ infoAcontecer
Fátima
Desejo do peregrino é chegar ao Vaticano
De Fátima a Santiago em cadeira de rodas
Texto J.B. | 18/05/2017 | 08:42
Com paralisia cerebral, Edgar Silva empurra a cadeira de rodas com os pés para trás, fazendo o percurso sempre de costas. Data da chegada não está definida por depender dos apoios que for alcançando
imagem

Edgar Silva vai deslocar-se de Fátima a Santiago de Compostela em cadeira de rodas. Residente na Lourinhã, o peregrino tem 55 anos e sofre de paralisia cerebral. O trajeto até terras espanholas será feito em etapas. A primeira delas inicia pelas 10h00 desta quinta-feira, 18 de maio, no Santuário de Fátima, terminando 100 quilómetros depois, na segunda-feira, 22, em Coimbra.

A data de chegada a Santiago de Compostela ainda não está definida, uma vez que depende dos auxílios alcançados durante o percurso, conforme explicou Miguel Paulo, acompanhante de Edgar nesta peregrinação, em declarações à agência Lusa.

Segundo Miguel Paulo, qualquer cidadão que queira acompanhar Edgar Silva será «bem-vindo». De acordo com o caminheiro, a peregrinação de Fátima a Santiago de Compostela insere-se num objetivo ainda maior de Edgar, que deseja depois rumar de Santiago de Compostela a Lourdes (França) e daí para o Vaticano.

O peregrino empurrará a cadeira de rodas com os pés para trás, o que irá fazer com que faça o trajeto de costas, explicou o seu amigo. «Já fiz muitas caminhadas com ele e somos uma dupla. Para o Edgar, isto é uma maneira de estar vivo, de marcar a sua existência. Ele não deixa ninguém indiferente. Vale por tudo», realçou Miguel Paulo, que já acompanhou o amigo em peregrinações de Lourinhã a Fátima e de Nazaré a Fátima, entre outras.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.