+ infoAcontecer
Mundo
«Jovens trocam viagens de finalistas por Taizé»
Texto J.B. | Foto Taizé | 12/02/2018 | 15:08
Centenas de adolescentes portugueses estão numa comunidade ecuménica em França, onde fazem uma pausa nas suas «vidas `tecnologizadas´ e consumistas», e, em conjunto com outras pessoas, vivem em comunidade, oração, contemplação e partilha
imagem

Mais de 500 estudantes, ex-alunos e docentes partiram no último fim de semana de Aveiro rumo a Taizé, uma comunidade ecuménica em Borgonha (França), onde deverão permanecer ao longo de uma semana. Durante este período, os jovens e adultos e envolvidos deverão viver diversas «experiências de encontro», enquanto procuram «respostas para os seus maiores anseios», destaca Sérgio Martins, responsável pela disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC), na diocese de Aveiro.

 

«Os alunos sentem que Taizé faz parte das suas vidas. Precisam de se encontrar e de serem encontrados, no silêncio, na oração, no convívio, na partilha, na simplicidade, na renúncia, na abstinência consciente de tudo o que é normal nas suas vidas `tecnologizadas´ e até mesmo na alimentação», demonstrou o responsável, citado pelos serviços de comunicação do Secretariado Nacional da Educação Cristã.

 

«A vida para lá das parafernálias tecnológicas ou das modas consumistas de todos os dias», é, aliás, uma abordagem que a disciplina de EMRC induz nos alunos, assim como as «questões do sentido da vida». Para trás ficam meses de preparação. «Participar nesta experiência em Taizé é um desejo incontido que brota do próprio interior. Muitos destes alunos trocam as suas viagens de finalistas na neve ou no sul de Espanha para irem nesta semana», realçou o docente. Uma vez em Taizé, os 500 adolescentes e adultos de Aveiro juntam-se a muitos outros jovens de toda a Europa e também de outros pontos de Portugal.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.