+ infoAcontecer
Portugal
Até 30 de março
Concurso promove natureza em Portugal e nos PALOP
Texto J.B. | Foto DR | 10/03/2018 | 15:51
Pessoas de todas as idades são desafiadas a registar «momentos únicos» da natureza. O concorrente distinguido como Fotógrafo do Ano em História Natural e Ciência irá receber um prémio de 500 euros e uma visita guiada à Reserva da Faia Brava
imagem

Com o objetivo de «difundir a natureza e a ciência», tanto em Portugal, como nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), os responsáveis pelo Museu Nacional de História Natural e da Ciência (Muhnac) promovem, pela primeira vez, um concurso de fotografia. Neste âmbito, os concorrentes são desafiados a registar «momentos únicos de história natural e de ciência» captados, preferencialmente, em Portugal ou nos PALOP, de forma a unir «ciência, arte e técnica».

 

A iniciativa é também uma forma de fomentar «fomentar práticas de observação, conhecimento e registo através da fotografia, da natureza, e da ciência e tecnologia a diferentes escalas, em dois continentes distintos, mas tão próximos», indicam os promotores do concurso, no seu regulamento.

 

Podem concorrer fotógrafos amadores ou profissionais, até ao próximo dia 30 de março. Os trabalhos serão posteriormente avaliados por um «painel de fotógrafos, cientistas e outros profissionais de história natural e ciência». A cerimónia pública de entrega de prémios terá lugar dia 23 de junho. A iniciativa dará origem à «I Exposição de fotografia em História Natural e Ciência», que estará patente no Muhnac, no segundo semestre deste ano.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.