Acontecer
Alunos criam figuras sorridentes para acenar em Fátima
Texto Juliana Batista | Foto DR | 21/04/2018 | 15:49
Evento destinado a crianças que frequentam a disciplina de EMRC pretende chamar a atenção dos mais pequenos para a importância de adotar atitudes que contribuam para tornar as vidas das outras pessoas mais feliz
imagem

O «valor da amizade, da entreajuda e da importância de ajudar o outro sem pedir nada em troca» são gestos que serão promovidos durante a 18ª edição de um encontro, que levará à Cova da Iria, dia 25 de maio, «cerca de 4000 alunos e professores» do primeiro ciclo do ensino básico, que frequentam as aulas de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC), por todo o país.

 

«Hoje, muito se fala de solidariedade e de partilha, mas por vezes andamos um pouco distraídos. O que posso eu fazer? Há pequenos gestos que podem tornar a nossa vida e a dos outros mais feliz. Vamos estar atentos», convidam os organizadores. O evento irá decorrer sob o mote «Sorri para Mim», motivo pelo qual as crianças participantes são desafiadas a criar um símbolo gráfico «a gosto», que represente uma cara sorridente, e que deverão «agitar com a mão» quando for solicitado.

 

Ao longo do dia, os alunos que se encontram entre o primeiro e o quarto ano de escolaridade vão assistir à peça de teatro «Há festa na floresta», escutar momentos musicais e participar num momento de reflexão na Basílica da Santíssima Trindade. O dia será de «muita alegria, festa e cor», assegura a organização.

 

O 18.º Encontro Nacional Interescolas do 1.º Ciclo – EMRC é organizado pelos membros da equipa nacional do departamento de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC) do Secretariado Nacional da Educação Cristã (SNEC), que pedem que cada estabelecimento de ensino «leve um estandarte para o momento da reflexão». 

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.