+ infoAcontecer
Fátima
Peregrinação de maio
Cerca de 35 mil fiéis caminham até à Cova da Iria
Texto J.B. | Foto Santuário de Fátima | 09/05/2018 | 15:10
Entre os peregrinos que se deslocam a pé, estima-se que cerca de 25 mil sejam oriundos do norte do país, e 10 mil provenientes do sul, um número que «está a aumentar»
imagem

A escassos dias da Peregrinação Internacional Aniversária de maio ao Santuário de Fátima, os responsáveis pela Comissão de Apoio aos Peregrinos a Pé calculam que estejam cerca de 35 mil peregrinos a caminho da Cova da Iria. Manuel Antunes, sacerdote e coordenador da Comissão de Apoio aos Peregrinos a Pé, garante todo o trabalho nas estradas, através de um contacto próximo com os Guias de Peregrinos a Pé.

 

Segundo o responsável, cerca de 25 mil fiéis do norte de Portugal e 10 mil do sul do país estão a caminho de Fátima, sendo que «o número de peregrinos vindos do sul do país está a aumentar». Membros do Movimento da Mensagem de Fátima (MMF) encontram-se a percorrer os itinerários que levam à Cova da Iria, acompanhando o funcionamento dos 72 postos de apoio aos peregrinos e das 12 equipas itinerantes, garantidas por várias instituições. Por estes caminhos, os elementos do MMF procuram levar conforto aos peregrinos e o têm testemunhado «um ambiente de boa-disposição».

 

«Os peregrinos estão a ser muito bem assistidos nos postos por onde passam. No acompanhamento que temos feito, temos encontrado peregrinos animados. Vê-se que Fátima lhes toca no coração e que estão ansiosos por chegar à Cova da Iria. Quando chegamos e dizemos que somos de Fátima sentem-se ainda mais motivados», referiu Manuel Antunes, realçando o «espírito de penitência e a disposição interior» dos fiéis.

 

Percorrer o país tem permitido ao sacerdote verificar a melhoria da sinalização dos trajetos, resultado de uma mobilização de autarquias e forças de segurança. Além do MMF, os fiéis encontram a assistência da Ordem de Malta, Cruz Vermelha Portuguesa, Proteção Civil, Associação Caminhos de Fátima, Corpo Nacional de Bombeiros, Corpo Nacional de Escutas, Associação dos Servitas de Nossa Senhora de Fátima e do Departamento para o Acolhimento de Peregrinos do Santuário de Fátima. O apoio aos fiéis está a envolver «mais de 1700 pessoas», entre «médicos, enfermeiros e outros voluntários», que prestam apoio no que diz respeito à «alimentação, saúde e apoio espiritual e moral», informam os serviços de comunicação do Santuário de Fátima.

 

Desde a criação da Comissão de Apoio aos Peregrinos a Pé, a coordenação entre as diferentes entidades envolvidas tem-se aperfeiçoado, conforme destacou Frederico Serôdio, responsável pela Pastoral das Peregrinações do MMF. «Como há uma coordenação e um modo de operar comum, a cooperação entre todos os envolvidos tem melhorado de ano para ano. Constatamos que há uma cada vez maior unidade entre as chefias no apoio aos peregrinos. Esta organização tem ajudado a uma melhor otimização e gestão dos meios que estão no terreno», disse o responsável.

 

O padre Manuel Antunes deixa algumas recomendações a todos quantos rumam a Fátima. «É importante que o peregrino não se distraia, sobretudo à beira das estradas mais transitadas, e que siga as regras da estrada e as indicações que são dadas pelo MMF. É fundamental que tenham cuidado consigo próprios, nomeadamente ao nível de uma boa alimentação e em tudo o que possa tornar a peregrinação mais suave», apontou o sacerdote, citado pelos serviços de comunicação do Santuário de Fátima.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.