+ infoAcontecer
Fátima
Novo projeto promove contacto com os mais frágeis em Fátima
Texto J.B. | Foto Santuário de Fátima | 17/05/2018 | 08:42
O objetivo é colocar a população mais nova em «contacto direto» com os peregrinos de Fátima, idosos e pessoas com deficiência, dando lugar a «uma vivência espiritualmente rica»
imagem

Cidadãos com idades compreendidas entre os 16 e os 35 anos são convidados pelos responsáveis pelo Santuário de Fátima a participarem, entre os próximos dias 9 de julho e 2 de setembro, no projeto «Sete», uma experiência de voluntariado que contempla o acolhimento aos peregrinos da Cova da Iria e a vivência da Mensagem de Fátima.

 

Durante a ação de voluntariado, os participantes «serão chamados a tocar as múltiplas experiências de acolhimento, oração e partilha que se podem vivenciar no Santuário de Fátima», explicam os serviços de comunicação do templo mariano, adiantando que terá particular interesse o «contacto direto com os peregrinos», idosos e pessoas com deficiência. A experiência vai contemplar também «momentos orantes», o que contribuirá para os voluntários entrarem numa «dinâmica de aprofundamento espiritual», durante a qual serão «acompanhados pela equipa do santuário». 


O projeto «Sete» é dirigido a pessoas ligadas a algum movimento eclesial ou não, curiosos pela «experiência cristã do acolhimento e da peregrinação», pessoas «em busca de uma vivência espiritualmente rica, profunda e partilhada» ou que se interroguem sobre o «sentido e a atualidade do acontecimento e da experiência de Fátima».

 

Os voluntários podem inscrever-se de forma individual ou em grupo, em turnos de voluntariado de sete ou de 14 dias. Contudo, as inscrições devem ser feitas até 15 dias antes do turno desejado, sendo que mais esclarecimentos sobre o projeto poderão ser obtidos através do envio de um email para o endereço eletrónico voluntarios@fatima.pt. A estadia dos participantes ficará «totalmente ao encargo do Santuário de Fátima».

 

A designação do projeto está associada à sétima vez que a mais velha das videntes de Fátima afirmou ter visto Nossa Senhora, a 15 de junho de 1921, altura em que «cheia de dúvidas hesitou entre a obediência ao bispo que lhe tinha pedido para partir para o Porto e o seu desejo de ficar junto dos familiares». 

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.