+ infoAcontecer
Fátima
Fiéis de todo o mundo desafiados a «aprofundar» a fé
Texto J.B. | Foto Santuário de Fátima | 28/05/2018 | 12:20
Bispo português convidou peregrinos de vários países presentes em Fátima a rezar pela «conversão dos pecadores», durante uma Missa internacional presidida pelo luso-descendente José Bettencourt, novo representante da Santa Sé na Geórgia e na Arménia
imagem

Os cristãos não devem ter medo de professar a sua fé, mesmo quando surgem dúvidas, disse Antonino Dias, bispo da diocese de Portalegre-Castelo Branco, perante os peregrinos do Santuário de Fátima. «A fé não exclui a dúvida, não é uma certeza científica e a ressurreição de Jesus é um mistério incrível que não cabe na razão humana», demonstrou o prelado durante a homília que proferiu no último domingo, 27 de maio.

 

A fé – acrescentou o prelado – é ainda uma crença que necessita de algum `investimento´. «A fé não se compra no supermercado, não se pode reivindicar na rua, não é uma iniciativa nossa, mas sim um dom de Deus que temos de aprofundar», explicou. Com vista ao aprofundamento da fé, Antonino Dias recordou aos fiéis que estes estavam num «lugar de silêncio, de paz e de oração», e, por isso, convidou-os a rezar «pela conversão dos pecadores», à semelhança dos três pastorinhos.

 

A intervenção de Antonino Dias assumiu especial importância por decorrer no dia da 35.ª Peregrinação Anual da Diocese de Portalegre-Castelo-Branco ao Santuário de Fátima. A jornada levou até à Cova da Iria muitos fiéis da região, que deram forma ao maior dos 38 grupos que assistiram à Eucaristia.

 

Estiveram também presentes grupos de peregrinos provenientes da Alemanha, Itália e Espanha, e «um grupo diversificado da América Latina», informam os serviços de comunicação do Santuário de Fátima. A celebração foi presidida pelo luso-descendente José Avelino Bettencourt, novo representante da Santa Sé na Geórgia e na Arménia, a convite dos responsáveis pelo templo mariano.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.