+ infoAcontecer
Portugal
Solidariedade
Prémio António Francisco apoia refugiados e desfavorecidos
Texto J.B. | Foto JRS | 12/09/2018 | 15:14
Galardão em homenagem a bispo do Porto falecido em 2017 beneficia os utentes de dois projetos dos jesuítas no norte de Portugal
imagem

O Centro de São Cirilo e a Unidade Habitacional de Santo António, dois organismos da Companhia de Jesus no Porto, que prestam ajuda a pessoas refugiadas e desfavorecidas, foram distinguidos com o prémio «Dom António Francisco». Na sua primeira edição, o galardão foi a concedido no Palácio da Bolsa, na última terça-feira, 11 de setembro, data do primeiro aniversário da morte de António Francisco dos Santos, antigo bispo na cidade invicta.

O prémio tem um valor de 75 mil euros e foi instituído com o objetivo de «apoiar cidadãos que se distingam na promoção e defesa da dignidade da pessoa humana, na defesa e promoção dos direitos humanos, no diálogo inter-religioso e ecuménico e na promoção da paz».

De acordo com Manuel Linda, atual bispo na diocese do Porto, a distinção recorda alguém que «marcou a cidade e a diocese». «Este prémio, que se destina a galardoar quem está presente junto de todos, particularmente dos mais humildes, é uma ótima memória» do falecido prelado, disse Manuel Linda, em declarações à agência Ecclesia.

«A sua memória está imensamente viva, interpela as pessoas», frisou o prelado, que presidiu a uma Missa na Catedral do Porto dia 11 de setembro, data que «passará a ser o dia anual de sufrágio pelos bispos, sacerdotes e diáconos já falecidos», referem os serviços de comunicação da diocese do Porto. O prémio «Dom António Francisco» resulta de uma iniciativa da Associação Comercial do Porto, da Irmandade dos Clérigos e da Santa Casa da Misericórdia do Porto.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.