+ infoAcontecer
Fátima
Corações voltados para Deus emanam «compaixão e acolhimento»
Texto J.B. | Foto Santuário de Fátima | 13/09/2018 | 15:04
Peregrinação de setembro ao Santuário de Fátima lembrou aos cristãos de todo o mundo que a proximidade a Deus leva à rejeição do «mal e da guerra»
imagem

A mensagem relatada pelos três pastorinhos mostra que em Fátima Maria convidou a humanidade a «pôr de lado tudo o que divide, tudo o que afasta e tudo o que incita à guerra, para dar lugar ao que une, aproxima e conduz à comunhão fraterna», lembrou José Alves, arcebispo emérito de Évora, na Missa que encerrou a Peregrinação Aniversária de setembro a Fátima, na manhã desta quinta-feira, 13 de setembro.

 

Referindo-se ao progresso tecnológico «acelerado» do último século, o prelado fez questão de o contrapor à «progressão lenta» no empenho pela paz no mundo durante o mesmo período, e frisou que «a paz é um bem essencial, mas precário, que é preciso proteger e promover».

 

José Alves lembrou aos fiéis que a peregrinação de setembro corresponde à quinta vez que os pastorinhos viram Nossa Senhora, altura em que os três pequenos videntes contaram que Maria lhes pediu para continuarem a rezar o terço para que a guerra acabasse, deixando `vias´ para a fraternidade universal.

 

«A paz precisa da colaboração de todos e alcança-se pela oração e pelos sacrifícios voluntários, através dos quais se obtém a conversão dos corações que, voltados para Deus, repudiam o mal e a guerra, e adotam comportamentos de moderação, de compaixão, de acolhimento, de partilha fraterna», demonstrou o arcebispo, citado pelos serviços de comunicação do Santuário de Fátima.

 

António Marto, bispo na diocese de Leiria-Fátima, saudou os peregrinos presentes, oriundos dos continentes europeu, asiático, africano e americano. O cardeal caracterizou Fátima como um «oásis espiritual», no qual se encontra «repouso, ânimo e paz». Com o início do novo ano letivo, António Marto fez questão de desejar um bom ano escolar a todos os estudantes. Para esta celebração, concelebrada por três bispos e 125 sacerdotes, inscreveram-se nos serviços do Santuário de Fátima cerca de 150 doentes.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.