+ infoAcontecer
Fátima
Terço das aparições angaria 535 mil euros para instituição social
Texto F.P. | Foto F.P. | 21/12/2018 | 12:28
Terço Comemorativo do Centenário das Aparições de Fátima já vendeu 535 mil exemplares. Por cada artigo vendido, um euro reverteu para o Centro de Reabilitação e Integração de Fátima
imagem
O padre António Pereira, em representação do Centro de Reabilitação e Integração de Fátima (CRIF), recebeu esta sexta-feira, 21 de dezembro, um cheque de 25 mil euros, que corresponde à primeira tranche dos 535 mil euros angariados até agora com a venda do Terço Comemorativo do Centenário das Aparições de Fátima.

O terço foi criado por ocasião do Centenário das Aparições, no âmbito de uma parceria entre a Associação Empresarial Ourém-Fátima (ACISO), Imprensa Nacional-Casa da Moeda e Santuário de Fátima. Com um preço de venda ao público de 12 euros, por cada artigo vendido, um euro revertia para o CRIF com o fim de construir um lar residencial para adultos com deficiência e para as famílias que se demonstram incapazes de prestar o necessário acompanhamento.

«Este projeto marcou a história do artigo religioso de Fátima e inicialmente ninguém previa o sucesso» que viria a ter, afirmou o presidente da ACISO, Domingos Neves, recordando que as previsões iniciais apontavam para a venda de 50 mil exemplares, quando, volvidos quase dois anos, este número já ultrapassou o meio milhão.

Por sua vez, o padre António Pereira, não escondeu a alegria «por ver finalmente a luz ao fundo do túnel» e poder concretizar uma velha aspiração do CRIF. O novo lar deverá começar a ser construído em abril do próximo ano e terá capacidade para acolher 22 utentes, jovens e adultos. A primeira pedra já fopi benzida pelo Papa Francisco.

Fundado em 1976, para dar resposta a crianças e jovens com deficiência, na comunidade e sem qualquer apoio no âmbito escolar, o CRIF, sediado em Moimenta, Fátima, presta atualmente apoio 130 pessoas, em regime de semi-internato, e a alunos de diversos concelhos. A ampliação das atuais instalações está orçada em cerca de um milhão de euros e, além do lar residencial, irá dotar o espaço com uma lavandaria e um centro de fisioterapia.
Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.