+ infoAcontecer
Fátima
Livro incentiva à reflexão sobre a importância da peregrinação
Texto J.B. | Foto G.G. | 29/05/2019 | 10:24
Publicação dedicada a peregrinações vai ser apresentada em Fátima com a presença do seu autor, do reitor do Santuário de Fátima e de um investigador
imagem

O livro «De Guadalupe a Fátima com Maria e seus dizeres» vai ser apresentado na cidade de Fátima na próxima sexta-feira, 31 de maio, pelas 17h30. «Trata-se de um livro difícil de classificar: não é um relato de peregrinações, embora evoque várias e a vários santuários; não é um livro de estudos e ensaios, embora também os apresente e muitas das páginas sejam fruto de estudo e reflexão aprofundada; não é uma obra jornalística, embora faça crónica de vários acontecimentos significativos. (…) Este livro é precioso até por isso: por resistir a qualquer classificação fácil e pelos horizontes de reflexão que abre diante de nós», refere Carlos Cabecinhas, sacerdote e reitor do Santuário de Fátima, que assina o prefácio da obra.

 

A obra a apresentar foi escrita por Aires Gameiro, irmão da Ordem Hospitaleira de São João de Deus, que à semelhança de Carlos Cabecinhas também marcará presença na sessão. O autor da publicação deverá abordar a temática da peregrinação, «centrando-se também na figura de São Francisco Marto, vidente de Fátima de quem este ano se celebra o centenário da morte». O momento de debate será moderado por José Manuel Poças das Neves, investigador agraciado com o Prémio Villa Portela 2018.

 

A iniciativa vai procurar dar resposta à questão «Peregrinar está na moda?», e terá lugar no Hotel Santa Maria, com uma duração estimada de 60 minutos. A tertúlia será também uma ocasião para conhecer o conjunto de pinturas «Jornada» e «Jardins de céus», realizadas para o átrio da unidade hoteleira pelo artista plástico Pedro Calapez, autor das portas e painéis em bronze da fachada principal da Basílica da Santíssima Trindade, no Santuário de Fátima.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.