+ infoAcontecer
Portugal
Trabalho de bispo português no Hawai é homenageado
Texto J.B. | Foto DR | 19/06/2019 | 16:29
Estêvão de Alencastre dedicou-se à «educação e formação católica dos jovens» havaianos
imagem

A vida e obra de Estêvão de Alencastre, falecido bispo madeirense que exerceu o seu encargo episcopal no Hawai, está na origem de uma conferência que se realiza esta quarta-feira, 19 de junho, no Teatro Municipal Dias, no Funchal (Madeira), a partir das 18h00. Estêvão de Alencastre nasceu há 142 anos na Ilha do Porto Santo, e foi com os seus pais para o Hawai, à semelhança de milhares de madeirenses.

Por lá, o seu episcopado ficou marcado pelo «aumento dos clérigos e de paróquias em todos os distritos havaianos, pela construção de novas igrejas e pela remodelação da Catedral de Nossa Senhora da Paz, em Honolulu, e ainda pelo seu empenho na educação e formação católica dos jovens residentes em Hawai, independentemente da nacionalidade ou descendência», explicam os promotores da palestra.

A conferência dedicada ao bispo, que teve também uma função crucial na história da congregação missionária dos Sagrados Corações de Jesus e Maria, será dinamizada por Susana Caldeira. A palestra insere-se no ciclo «Conferências do Teatro – Madeira de A a Z».

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.