+ infoAcontecer
Portugal
Prémio para projeto que favorece inclusão de migrantes
Texto J.B. | Foto DR | 11/09/2019 | 08:39
Iniciativa que ensina migrantes a aprender a língua e matemática ao chegarem a um novo país, recebeu o `Prémio Confúcio de alfabetização´. A iniciativa galardoada conta com o envolvimento de um organismo sediado na Covilhã
imagem

O `Prémio Confúcio de alfabetização´ foi atribuído ao «Tell me», um projeto europeu cujo representante nacional é a Associação de Teatro e outras Artes (ASTA), sediada na Covilhã. «O `Prémio Confúcio´, estabelecido pela UNESCO, é um reconhecimento para aqueles que se dedicam à alfabetização de adultos. Em 2019, o prémio teve como tema de referência `Alfabetização e multilinguismo´ e foram distinguidos três projetos a nível mundial, incluído o `Tell Me´», indica a ASTA, em comunicado.

O «Tell me» consiste num projeto na área do ensino não formal da língua e da matemática, que tem como ferramenta o teatro, e que visa ensinar os migrantes na aprendizagem da língua e da matemática, ao chegarem a um novo país. A iniciativa é financiada ao abrigo do programa Erasmus +, e foi levada a cabo nos últimos dois anos, tendo reunido num consórcio europeu diversas estruturas empenhadas no ensino e nas artes dramáticas. «O `Tell me´ é um projeto científico de investigação que junta o ensino ao teatro para através das suas potencialidades conseguir chegar mais longe no que diz respeito ao ensino da língua e da matemática», explicam os responsáveis envolvidos na iniciativa.

Segundo os dinamizadores da iniciativa, o projeto foi «concluído com enorme êxito», tendo sido criadas diversas ferramentas e metodologias» ao longo de dois anos de trabalho e de investigação, em Portugal, na Itália e na Suécia. A equipa do `Tell Me´ criou diversos materiais, como um manual para o ensino da língua e da matemática, em português, inglês, italiano, sueco e turco, que pode ser descarregado de forma gratuita na página oficinal do projeto.

Apesar da iniciativa já ter chegado ao fim, «as ações do `Tell Me´ continuam. Até 2020, serão realizadas várias oficinas nos Centros de Educação de Adultos, que decorrerão nas 20 regiões italianas, bem como em toda a Andaluzia, em Espanha. Outro dos objetivos será traduzir o manual construído durante o desenvolvimento do `Tell Me´ para alemão, francês e espanhol, e consequentemente disseminar a metodologia do projeto nos países de língua espanhola, alemã e francesa», adianta o comunicado, citado pela agência Lusa.

O galardão foi entregue na sede da UNESCO, em Paris (França), na última segunda-feira, 9 de setemento, data em que se celebra a alfabetização centrada no multilinguismo. O prémio atribuído pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), conta com o apoio da República Popular da China.

Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.