+ infoAcontecer
Mundo
Comissão Europeia pede investimento na luta contra as alterações climáticas
Texto F.P. | Foto »Parlamento Europeu» | 13/02/2020 | 10:21
Ursula von der Leyen desafia os Estados-membros a consagrarem pelo menos 25 por cento do próximo orçamento plurianual às ações de combate às mudanças climáticas
imagem
A poucos dias da realização da Cimeira para aprovação do orçamento plurianual da União Europeia (2021-2027), a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, pediu que «pelo menos 25 por cento do orçamento» sejam destinados à luta contra as alterações climáticas, num momento em que os 27 procuram compensar o buraco deixado pela saída do Reino Unido.

«O tempo está a pressionar. Se não dispomos de um orçamento coerente nos próximos anos, não podemos alcançar as novas prioridades que fixámos», afirmou a responsável, apelando a um «equilíbrio entre as antigas e novas prioridades», por forma a cumprir com o Pacto Verde, que procura converter a União Europeia no primeiro bloco climaticamente neutro até 2050.

A saída do Reino Unido da União Europeia deixou um buraco de 12 mil milhões de euros anuais e alguns países não aceitam cortes nos fundos destinados às tradicionais políticas agrícola e de coesão. Para tentar alcançar um consenso, o presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, convocou uma Cimeira extraordinária de líderes para a próximo dia 20 de fevereiro.
Qual é a sua opinião?
Login
Email: Palavra-chave:
Esqueceu-se da sua palavra chave?
Registar
Comentário sujeito a aprovação.